CA Direito

Seis dias e seis noites em Doha restituíram a capacidade da 17460

Seis dias e seis noites em Doha restituíram a capacidade

da OMC de transformar discórdia em concórdia e dissiparam a sombra de

Seattle. Nada mais oportuno, dada a assustadora acumulação de perigos.

Um fracasso teria condenado a OMC à inação. A pressão para que os países

renegassem o internacionalismo, assumissem as reclamações

protecionistas feitas pelos populistas e seguissem aferrados às

estreitas prioridades nacionalistas era enorme. Mesmo assim, eles não se

dobraram. Os ministros dos 142 países-membros da OMC chegaram à rodada

de negociações decididos a conceber um programa equilibrado. Declaramos

claramente que os direitos dos países pobres têm primazia sobre as

patentes de medicamentos na área de saúde pública. Na esfera da

agricultura, o mandato de negociação oferece aos países em

desenvolvimento a possibilidade de obter benefícios comerciais

substanciais.Mike Moore. A rodada de Doha. In: Folha de S. Paulo, 2/12/2001, p. A3 (com adaptações).A partir do texto do ex-premiê da Nova Zelândia e atual diretor-geral da OMC, julgue o item que se segue.Embora o autor fale de "possibilidade de obter benefícios comerciais substanciais", referindo-se aos países pobres, que têm na agricultura seu sustentáculo econômico, nada há na Declaração de Doha que autorize esperar a concordância dos países ricos em eliminar, mesmo que gradualmente, os subsídios que oferecem aos seus agricultores.

Questão no QuestionsOf: Seis dias e seis noites em Doha restituíram a capacidade da 17460

Questões similares